Diferença entre mesênquima e mesoderme - Diferença Entre

Diferença entre mesênquima e mesoderme

Diferença principal - Mesenchyme vs Mesoderm

Mesênquima e mesoderme são dois tipos de células não especializadas que ocorrem durante a gastrulação. A gastrulação é o processo no qual as três camadas germinativas primárias, endoderme, mesoderme e ectoderme se desenvolvem durante o desenvolvimento embrionário de um animal. O mesoderma aparece apenas no desenvolvimento embrionário, mas o mesênquima é encontrado ao longo da vida de um animal. Mesenchyme dá origem a várias condições patológicas também. o principal diferença entre mesênquima e mesoderme é que mesênquima é uma parte do mesoderma de um embrião que se desenvolve em tecido conjuntivo, cartilagem, osso, etc. enquanto que O mesoderma é uma das três camadas germinativas no embrião de um animal metazoário e através do desenvolvimento embrionário, o mesoderma produz os órgãos internos do adulto.

Principais áreas cobertas

1. O que é Mesenchyme
      - Definição, Estrutura, Formação, Papel
2. O que é Mesoderm
      - Definição, Estrutura, Formação, Papel
3. Qual é a diferença entre Mesenchyme e Mesoderm
      - Comparação de diferenças-chave

Termos chaves: Mesênquima, Mesoderme, Gastrulação, Desenvolvimento Embrionário, Endoderma, Ectoderme, Camadas Germinativas, Ingressão


O que é Mesenchyme

O mesênquima é um tipo de tecido animal que consiste de células soltas embebidas em uma matriz extracelular com uma malha de proteínas e fluidos. A natureza fluida e solta do tecido mesenquimal permite que ele migre entre as camadas germinativas durante o desenvolvimento embrionário e fetal. O mesênquima dá origem a tecidos conjuntivos, ossos, cartilagem, sistema linfático e cardiovascular. Uma grande parte do mesênquima é derivada do mesoderma, enquanto uma pequena parte é derivada do ectoderma. A crista neural é especializada no mesênquima, que é derivado do ectoderma. Durante a gastrulação, a transição epitelial-mesenquimal (EMT) dá origem à camada mesodérmica do embrião. O EMT desempenha um papel importante na proliferação celular e reparação tecidual no corpo, mesmo após o desenvolvimento embrionário. O EMT causa muitos processos patológicos, incluindo a fibrose, que é o desenvolvimento de excesso de tecido conjuntivo fibroso e metástase, que é a propagação da doença entre os órgãos do corpo. A transição entre o mesênquima e os tecidos epiteliais também ajuda na formação de órgãos no corpo. Em contraste, as células-tronco mesenquimais encontradas em pequenas quantidades em gordura, medula óssea, músculos, dentes de leite e polpa dental são células fixas.


Figura 1: Mesênquima

O que é Mesoderm

O mesoderma é o meio das três camadas germinativas. Portanto, o mesoderma está localizado entre o ectoderma e o endoderma. O mesoderma dá origem a músculo, osso, cartilagem, tecidos conjuntivos, medula óssea, sangue, vasos linfáticos, cavidades do corpo e órgãos como rins, útero e gônadas. Durante a gastrulação, as ondas das células epiblásticas migram através da linha primitiva no processo chamado ingresso. Durante a primeira onda de células migratórias, a EMT ocorre, deslocando as células do hipoblasto e se tornando o endoderma. A segunda onda de células de epiblas migrantes povoa o endoderma, formando a camada de mesoderme. A camada de mesoderme dá origem a mesoderme paraxial, mesoderme intermediário, mesoderma de placa lateral, mesoderme cardiogênico e tubo de linha média notocondrial. Uma vez que o mesoderma é formado, o resto das células epiblásticas ingresso para formar o ectoderma. O mesoderma no embrião é mostrado em Figura 2.


Figura 2: Seção de um mesodermo

Diferença entre mesênquima e mesoderme

Definição

MesênquimaO mesênquima é uma parte do mesoderma de um embrião que se desenvolve em tecido conjuntivo, cartilagem, osso, etc.

Mesoderme: O mesoderma é uma das três camadas germinativas no embrião de um animal metazoário.

Localização

Mesênquima O mesênquima está localizado no mesoderma.

Mesoderme: O mesoderma está localizado entre o ectoderma e o endoderma.

Diferenciação

Mesênquima O tecido conjuntivo, os vasos sangüíneos, os vasos linfáticos, a cartilagem e o osso são derivados do mesênquima.

Mesoderme: Tecido conjuntivo, osso, cartilagem, músculo, sangue e vasos sanguíneos, órgãos linfáticos e linfáticos, pericárdio, notocórdio, pleura, rim e gônadas são derivados do mesoderma.

Aparência

Mesênquima O mesênquima aparece em todas as fases da vida animal.

Mesoderme: O mesoderma aparece apenas no desenvolvimento embrionário.

Conclusão

Mesênquima e mesoderme são dois tipos celulares não especializados encontrados em animais. O mesoderma é uma das três camadas germinativas primárias do embrião. Dá origem ao tecido conjuntivo, ossos, cartilagens, músculos, sangue e vasos sanguíneos, órgãos linfáticos e linfáticos e órgãos do corpo. O mesênquima aparece no corpo mesmo após o desenvolvimento embrionário e desempenha um papel fundamental na proliferação celular e no reparo tecidual no corpo. Fibrose e metástase, como condições patológicas, podem surgir devido a defeitos no mesênquima. A principal diferença entre o mesênquima e o mesoderma está na sua função no corpo.

Referência:

1. “A Enciclopédia do Projeto Embrionário”. Mesênquima | A Enciclopédia do Projeto Embrionário. N.p., n.d. Rede.